A GUERRA DA ATENÇÃO

ou de como a sinestesia é a única metáfora possível para falar de media e esferas públicas.
STRESS FM
PT

A Guerra da Atenção é uma série de reflexões sobre media, software e esferas públicas no século 21.
O texto “Epistemologias do Sul”, de Boaventura de Sousa Santos, é o ponto de partida para uma interrogação sobre abundância, escassez e desiquilíbrio no universo digital. Da aparente horizontalidade das redes sociais electrónicas à ubiquidade e autonomia do software, esta sessão procura debater alguns paradoxos e conflitos contemporâneos criados pela emergência de novos meios de comunicação e a sua influência na percepção, debate e acção democrática.
As categorias mediáticas predominantes no século 20 são cada vez mais desafiadas pela digitalização: as distinções claras entre géneros e formatos diluem-se agora na transversalidade e a versatilidade do código. As metáforas que ordenavam o mundo em disciplinas separadas já só descrevem parcialmente as possibilidades técnicas e sensoriais do novo paradigma. A sinestesia, uma condição neurológica indicadora de multiplicidades, é candidata ideal para uma forma actual de pensar e actuar sobre os media.

A stress.fm é uma plataforma media digital. É um exemplo concreto das novas metáforas e ferramentas que regem a criação de conteúdos e de conhecimentos nas sociedades em rede: esta sessão examina também alguns do seus métodos, trabalhos e desafios futuros.

Duração: 1 hora | Lotação: 5-10 pessoas

Advertisements